Google

EIS – Eletrossomatografia – Um exame do futuro!

por

EIS – Eletrossomatografia – Um exame do futuro!

O princípio do EIS é a aplicação da técnica da impedância bioelétrica que permite a medida da resistência da membrana celular e da condutividade dos líquidos corporais (líquido intersticial) conectados e a um programa da análise dos resultados.
O interstício representa cerca de 10% do peso do corpo. Esse meio aquoso, carregado de íons e moléculas de gás, atua como um comunicador entre o sangue e o meio intracelular. O interstício constitui o meio interno cuja manutenção (homeostase) pela circulação sanguínea depende do funcionamento de todos os órgãos e sistemas do corpo. A análise bioquímica desta zona era muito difícil já que ela não pode ser mesurada em exames convencionais.
O EIS realiza uma análise elétrica do interstício e, com isso, avalia o funcionamento dos órgãos e dos sistemas. Sendo extremamente útil pois possibilita:
• Avaliação de risco de diversas doenças;
• Detalhamento de composição corporal (quantidade e distribuição da água no organismo, massa magra, massa gorda, peso ideal, etc.);
• Avaliação das funções de órgãos e sistemas;
• Alterações hormonais;
• Avaliação de pH intersticial;
• Avaliação de íons intersticiais;
• Orientação dietética específica;
• Acompanhamento terapêutico;E com a nova versão do programa temos tambem a capacidade de avaliar alguns aspectos da parte cardio-vascular pela avaliação da Variabilidade de frequancia cardiaca e da pletismografia fotoeletrica (oximetria). E com isso avaliar o grau de homeostase (equilí
brio) do organismo.

Trata-se de um exame não invasivo, indolor e que não necessita de preparo prévio.
É de rápida realização e visualização imediata.
Por tudo isso o EIS é um instrumento importante na avaliação do quadro clínico do paciente e no monitoramento de seu tratamento.

Dra Vivian Campos - médica CRM SC 15.858/ CRM SP 128.588                               (47) 34339920 Joinville- SC

2 Comments to EIS – Eletrossomatografia – Um exame do futuro!

Deixe seu comentário aqui